Benefícios

Processo de escolha de lideranças qualificado, ágil e transparente

Lideranças alinhadas às competências e desafios da Administração Pública

Melhoria da percepção de valor público para a sociedade

Seleção de Lideranças baseada na capacidade profissional

Processo de escolha de lideranças qualificado, ágil e transparente

Lideranças alinhadas às competências e desafios da Administração Pública

Melhoria da percepção de valor público para a sociedade

Desenvolvimento de Sistema de Alta Direção Pública para o Brasil

Nossos resultados

+4500

Pessoas cadastradas no banco de currículos

36

Seleções realizadas

+250

Lideranças pré-selecionadas

41

Pessoas nomeadas via processos seletivos

+4 mil

Pessoas cadastradas no banco de currículos

33

Seleções realizadas

+200

Lideranças pré-selecionadas

39

Pessoas nomeadas via processos seletivos

*Dados atualizados em 12/07/2022

Nossa metodologia

Entenda a metodologia de seleção de lideranças baseada na avaliação de competências comportamentais.


1
Desenho da seleção
Apoiamos no planejamento e definição do perfil ideal do cargo, com as competências necessárias para o profissional, e do cronograma da seleção.
2
Recrutamento abrangente
Utilizamos estratégias de busca ativa por profissionais no setor público, na iniciativa privada, no terceiro setor e no meio acadêmico.
3
Análise da trajetória profissional
Realizamos avaliação com equilíbrio entre análise objetiva e qualitativa da trajetória das pessoas candidatas inscritas, com uso de inteligência artificial.
4
Avaliação de competências comportamentais
Nossa pré-seleção é online, e podemos utilizar diversas metodologias para aferição de competências, como testes, entrevistas comportamentais e dinâmicas de grupo.
5
Entrevista com gestor e nomeação
Após a indicação das pessoas candidatas pré-selecionadas, a pessoa gestora realiza a avaliação final e escolhe os profissionais que serão nomeados.
1
Desenho da seleção
Planejamento e definição do perfil ideal do cargo, com as competências necessárias para o profissional, e do cronograma da seleção.
2
Recrutamento abrangente
Estratégias de busca ativa por profissionais no setor público, na iniciativa privada, no terceiro setor e no meio acadêmico.
3
Análise da trajetória profissional
Equilíbrio entre avaliação objetiva e qualitativa da trajetória das pessoas candidatas inscritas, com uso de inteligência artificial.
4
Avaliação técnica
A depender do perfil da posição, também é feita uma análise de conhecimentos e competências técnicas.
5
Entrevista com gestor e nomeação
Após a indicação das pessoas candidatas pré-selecionadas, o gestor realiza a avaliação final e escolhe os profissionais que serão nomeados.

Modelos de adesão

No Líderes que Transformam você pode optar por duas modalidades:

Adesão Padrão
  • Perfil do cargo
  • Recrutamento e pré-seleção
  • Escolha e nomeação
  • Relatório final
  • Governo Federal, estados e municípios

Ver mais

Na modalidade padrão apoiaremos com metodologia inovadora, alinhada às melhores práticas mundiais para atrair e selecionar lideranças, com equilíbrio entre competência e confiança.

Ofertada para cargos com perfil de direção, assessoramento e execução de políticas públicas. Possibilidade de financiamento para adesão mínima de 10 cargos, ao longo de um ano.

Baixar Documento de Diretrizes

Adesão Complementar
  • Adesão Padrão +
  • Acordo de resultados
  • Acompanhamento das entregas
  • Desenvolvimento
  • Governo Federal

Ver mais

Na modalidade complementar apoiaremos o seu órgão na busca pelos melhores profissionais e na aceleração do desenvolvimento da liderança selecionada com programas de formação específicos. Esta modalidade inclui o acesso a uma rede de lideranças públicas e o acompanhamento de resultados.

Órgãos optantes por esta modalidade terão o programa financiado integralmente pela Enap.

Modalidade exclusiva para Administração Pública Federal, para cargos de direção e equivalentes (DAS 4 e 5) com perfil de direção e execução de políticas públicas.

Visite nossos cursos para Altos Executivos.

Baixar Documento de Diretrizes

Dúvidas gerais

São processos de recrutamento e pré-seleção realizados pela Enap desde 2019 para a ocupação de cargos ou funções de liderança. Com metodologias inovadoras e alinhadas às melhores práticas internacionais, a Enap atrai, seleciona e faz o match entre os melhores profissionais e as posições estratégicas de governo, em processos seletivos com equilíbrio entre competência e confiança.

Os processos de recrutamento e pré-seleção da Enap avaliam as competências comportamentais essenciais para lideranças no serviço público e valorizam a trajetória diversa das pessoas candidatas.

São elegíveis aos processos de de recrutamento e pré-seleção

  • cargos de primeiro e segundo nível hierárquico  (DAS 4 e 5, de direção, e equivalentes) de órgãos ou entidades do poder público, ou suas unidades administrativas, cujas atribuições digam respeito a funções exclusivas de direção;
  • cargos de terceiro nível hierárquico (DAS 3 de direção, e equivalentes) e cargos de assessoramento (DAS 3, 4 ou 5,  e equivalentes). No entanto, a conformação da lista curta de pessoas candidatas pré-selecionadas se dará exclusivamente a partir do Banco de Perfis.

Para ter acesso aos serviços de recrutamento e pré-seleção de lideranças, é necessário aderir ao Programa Líderes que Transformam, na modalidade de adesão padrão ou complementar. Conheça o modelo de adesão nas  diretrizes do serviço.

O serviço prestado depende da modalidade de adesão ao Programa Líderes que Transformam. 

A adesão padrão contempla as etapas de “definição de perfil”, “recrutamento e pré-seleção”, “escolha e nomeação” e “relatório final dos resultados” e pode ser escolhida por instituições federais e subnacionais.

A adesão complementar contempla todas as etapas do modelo padrão e inclui etapas adicionais, representativas dos Sistemas de Alta Direção Públicos: “celebração de um acordo de resultados”, “ações orientadas a seu acompanhamento”, e, ainda, ao “desenvolvimento das lideranças selecionadas”. Essa modalidade é exclusiva para instituições do Governo Federal.

Não. Concursos públicos são realizados para ocupação de cargos efetivos permanentes ou temporários na administração pública, em qualquer esfera de governo (Decreto nº 9.739/2019).

Os processos seletivos executados pela Enap têm foco em cargos em comissão, de livre nomeação e exoneração (Decreto nº 9.727/2019). São regidos também pelos regulamentos das seleções, com divulgações e etapas publicizadas no Portal da Enap. 

Órgãos do Poder Executivo do Governo Federal, e suas vinculadas, além de órgãos e entidades subnacionais dos estados e municípios brasileiros podem aderir ao Programa Líderes que Transformam e ter acesso ao serviço.

Órgãos e entidades subnacionais poderão solicitar a adesão ao Programa desde que a adesão contemple um número mínimo de 10 cargos. Caberá à Enap avaliar o perfil de cargos subnacionais elegíveis. Os estados e municípios poderão aderir ao modelo apenas na modalidade padrão.

Tendo em vista a natureza de livre nomeação e exoneração dos cargos e funções, a escolha final do candidato é ato discricionário da autoridade demandante. 

Por esse motivo, após o processo de recrutamento e pré-seleção conduzidos pela Enap, os candidatos aprovados são submetidos a uma etapa técnica com o demandante da vaga para definição final da pessoa selecionada.